Eles riram de mim quando pedi demissão para estudar para concursos

Eles riram de mim quando pedi demissão para estudar para concursos...mas quando saiu a minha reportagem no G1...

Este é um post da série “conheça seu consultor”. Nesta edição, você irá conhecer a história de superação de ANDRÉ WILSON, que largou uma carreira promissora na área privada, para enfrentar o desafio de passar em um concurso público.
Escrito Por
ANDRÉ WILSON
em 26 Fevereiro 2018
Início > Blog > Eles riram de mim quando pedi demissão para estudar para concursos...mas quando saiu a minha reportagem no G1...

 

Reportagem André Wilson Canal de Notícias G1

Fonte: http://g1.globo.com/concursos-e-emprego/noticia/2012/04/por-vaga-em-concursos-candidatos-apelam-personal-trainer-de-estudos.html

 

No ano de 2000, eu tive uma das maiores conquistas da minha vida: eu consegui uma vaga de atendente de telemarketing na BCP Telecomunicações, uma multinacional americana, que foi a primeira empresa de telefonia móvel 100% digital do Brasil.

Eu estava mais feliz que "pinto no lixo". Para muitos, nada de mais. Mas, para mim, que já vendeu sacolinhas plásticas e estava trabalhando em uma empresa de terceirização, conseguir uma vaga em uma multinacional... era um sonho!

Mas eu tinha outro sonho ainda maior: crescer na carreira para dar conforto à minha família. Quando meu filho nasceu em 2001, fui morar com a minha esposa em uma pequena casa cheia de mosquitos. Era o que dava para alugar com o meu salário de R$ 800 por mês.

Mosquito Sugando Sangue

Então, desesperado com os mosquitos sugando o sangue do meu filho, decidi investir em um aparelho de ar condicionado e paguei R$ 569 em 6 vezes.

Mas, como dizem por aí, alegria de pobre dura pouco, e foi exatamente isso que aconteceu.

Assim que chegou a primeira conta de energia, eu tive que vender o aparelho, pois não tinha dinheiro para pagar a conta.

Naquele dia, eu decidi que iria chegar ao topo da hierarquia da empresa que eu trabalhava e ter dinheiro suficiente para minha família nunca mais ter que passar por aquilo.

É claro que, na reunião de apresentação dos novatos, quando eu disse minhas pretensões, todos na sala riram de mim... mas, 7 anos depois, quando eu assumi o controle estratégico de uma operação de 10 mil funcionários e orçamento de 350 milhões por ano, fui levado a sério. Eu estava indo direto para o topo, mas, a cada degrau que eu subia na carreira, ficava mais estressado, doente e com insônia.

Eu trabalhava 12 a 14 horas por dia, inclusive aos finais de semana, e queria ter mais tempo para mim e para curtir as pessoas que eu amava.

Já ouviu falar na expressão "cuidado com o que você deseja, pois pode acabar conseguindo"? Pois é, eu tinha tudo que almejei lá atrás, mas não via meu filho crescer e meu casamento estava acabando...

Então, algo inesperado aconteceu. No final de 2007, a empresa que eu trabalhava decidiu dar férias coletivas para os funcionários no final do ano e, pela primeira vez em muitos anos, eu tive férias de verdade, pois, como ninguém estava trabalhando, meu celular não tocava (naquela época, não existia WhatsApp e o celular tocava muito!).

Sem pensar duas vezes, reservei o hotel, peguei o carro e fui com a minha família para Florianópolis. Foram os dias mais felizes da minha vida e eu queria mais daquilo.

E quando as férias acabaram, eu estava diferente.

Então, em junho de 2008, após ter sido obrigado a sair no meio da festa de aniversário do meu filho para atender um problema urgente na empresa, decidi pedir demissão, para me dedicar exclusivamente à preparação para concursos públicos.

E mais uma vez eles riram de mim... na verdade, as pessoas acharam que eu tinha enlouquecido (risos).

Eu fazia parte de um grupo de funcionários de elite e, assim que pedi demissão, recebi uma proposta de R$ 8,7 mil e 4,5 salários de bônus (era mais que o salário da CGU na época) para eu desistir da ideia maluca de fazer concursos públicos. Eu recusei, porque não era mais dinheiro que eu queria. Eu queria minha vida de volta!

Na época, recebi exatamente 33 ligações de amigos preocupados com a minha sanidade (ou para ficar por dentro de uma boa fofoca hehehehe) e as perguntas mais frequentes foram: “Ficou maluco?”; “Quer matar sua família de fome?”; e “Como você vai fazer para pagar a escola do seu filho?”.

Como se ter em emprego na iniciativa privada fosse algo bastante seguro... (risos). Basta não bater a meta por dois períodos consecutivos ou seu chefe ter “dormido de calça jeans” naquele dia que você está no olho da rua, não é verdade? :)

Pedir demissão para estudar para concursos parecia algo lógico para mim. Eu trabalhava 12 a 14 horas. Então, era só estudar o mesmo tempo, que eu seria aprovado rapidamente. Esse era o plano. Parecia óbvio!

Mas... como nenhum plano sobrevive ao campo de batalha... no primeiro concurso após pedir meu desligamento eu fui eliminado porque tirei zero em uma das disciplinas. Acabara de levar um soco bem na cara e "beijar a lona".

Aprendi, da pior forma possível, que passar em concursos públicos exige uma preparação diferente e eu tinha feito tudo errado.

Eu gostaria de dizer a você que mantive a postura de um grande guerreiro Samurai e procurei calmamente uma saída para o problema, mas não foi isso que aconteceu....

Entrei em pânico! Comecei a sonhar com mosquitos gigantes sugando o sangue do meu filho novamente! Passei uma semana preocupado.

Foi quando eu recebi uma ligação com uma oferta de emprego irrecusável: R$ 10 mil (era mais que o salário do TCU na época), mais um bônus estratosférico, carro, status e glória!

Só tinha um pequeno preço a pagar... eu teria que voltar para o mundo corporativo.

Parece que o diabo sempre sabe o momento certo de fazer uma proposta pela sua alma... (risos)

Então, com receio da minha família passar por alguma necessidade, fui conversar com a minha esposa, que, após ouvir meus argumentos com atenção, foi direto ao ponto: "bebeu foi?"

Confuso, eu repeti todos os argumentos... falei dos sonhos com os mosquitos sugadores de sangue... coisa e tal... então... ela disse: "estamos felizes que você está em casa agora e, mesmo que você não consiga a aprovação, que, particularmente, acho muito difícil de acontecer, preferimos que você fique conosco. Eu passei no concurso do Banco do Brasil e, em poucos meses, estarei trabalhando. Sei que o salário não é tão alto, mas conseguiremos sobreviver se tudo der errado. Por favor, se acalme e volte a estudar”.

Eu precisava ouvir aquilo para voltar a me conectar com a única coisa que realmente importa para quem deseja passar em um concurso públicoa atitude de nunca desistir.

Naquele mesmo dia, eu recusei a oferta de emprego e decidi utilizar uma estratégia que me fez ter sucesso na iniciativa privada: encontrar um mentor para me treinar para concursos públicos.

 

Então, após ter enfrentado e vencido, com a ajuda de um consultor pessoal especialista em concursos públicos, uma disputa com outros 1.364 candidatos por apenas 4 vagas, e ter conseguido, em menos de 7 meses, a aprovação em um concurso público com salário de R$ 18.057,94 partindo de uma nota zero, minha vida sofreu uma grande transformação.

 

SAIA NA FRENTE: BAIXE AGORA MESMO O E-BOOK COMPLETO E 100% GRATUITO 

" OS SEGREDOS QUE OS CONCURSEIROS APROVADOS NÃO CONTAM "

 

Foto na Torre Eiffel

Assim que completei 12 meses de trabalho como servidor público federal, tirei 30 dias de férias e viajei para Itália e Paris com a minha família. Foi muito massa! Eu nunca havia tirado mais que 10 dias de férias na minha vida... eu nunca havia passado tanto tempo junto da minha esposa e do meu filho. :)

Após retornar dessa viagem, eu era outra pessoa...

Eu tinha energia! Eu tinha o total controle da minha vida!

 

Foto na varanda do Terraço Itália em São Paulo

Foto: Restaurante Terraço Itália - São Paulo/SP. Geralmente, quando eu combinava um jantar com a minha esposa, aconteciam duas coisas: 1) eu desmarcava o jantar, porque tinha algo "urgente" para resolver na empresa; 2) eu passava o jantar inteiro trabalhando pelo celular. Hoje, em ocasiões especiais, meu celular é utilizado apenas como máquina fotográfica. :)

 

Então, decidi realizar um grande sonho há bastante tempo engavetado: fundar a minha própria empresa.

Foi quando eu recebi o convite do Prof. Vincenzo Papariello, que é meu amigo de infância e foi meu consultor pessoal quando eu era concurseiro, para fundar a VP Concursos, com o propósito de ajudar outras pessoas a terem uma carreira profissional mais segura e saudável e a realizarem seus sonhos e objetivos de vida.

 

Eu amo ensinar! Mas algo que seja prático e que realmente possa trazer resultados concretos para meus alunos.

Imagine a satisfação que é receber um depoimento como este:

"Quando eu decidi estudar para concursos, motivada pelo edital recém lançado do Ministério da Fazenda com 12 vagas para a minha área, fiquei em dúvida entre fazer cursinho específico para esse concurso ou cursinho para matérias básicas de concurso.

Minha irmã me falou da sua experiência de aprovação na STN com o a consultoria do André Wilson e acabou me convencendo a contratar a VP. 

O resultado dos 3 meses de estudo com a ajuda do André foi surpreendente, além de ser aprovada em 3º lugar no concurso que eu pretendia (MF), ainda consegui aprovação na FUB (1º lugar) e no MPU (3º lugar).

Definitivamente, foi a melhor escolha." (Larissa Januzzi)

Acredite, não tem preço.

 

Eu também amo empreender! Quando eu tinha 9 anos, montei uma "empresa" para vender gibis velhos que fez muito sucesso no bairro (risos).

Entretanto, naquela época, ser empreendedor era coisa de quem não queria nada com a vida. Então, logo fui orientado a me formar e procurar um emprego em uma grande empresa (o Setor Público pagava muito mal).

Nada errado com essa forma de pensar. Só que trabalhar em uma multinacional e subir na carreira não deu muito certo para mim. De que adiantava todo aquele sucesso profissional, se eu não tinha tempo para fazer as coisas que gostava e curtir a minha família? Por isso, mudei para o Setor Público.

Mas eu ainda sentia muita falta de ser empreendedor.

 

E eu amo ainda mais ajudar outras pessoas! 

Algumas pessoas gostam de colecionar troféus, carros e relógios caros...

E não tem nada de errado com isso.

Mas, eu prefiro colecionar as histórias de mudança de vida das pessoas que, de alguma forma, tive a oportunidade de ajudar.

 

Então, quando o Vincenzo me convidou para fundar a VP Concursos, é claro que eu topei na hora! :)

Era a chance de ensinar, empreender e colecionar as histórias de mudança de vida e sonhos que são realizados pelos alunos após a aprovação em um concurso, exame ou vestibular.

E quando fazemos nosso trabalho com amor e seriedade, o reconhecimento aparece, não é verdade?

 

Reportagem André Wilson na Revista Exame

Fonte: https://exame.abril.com.br/pme/o-1o-emprego-inusitado-de-20-empreendedores-de-sucesso/

 

 

Mas isso é uma história para um outro dia. :)

 

Agora, o mais importante é você saber que tudo isso só aconteceu por um motivo: eu passei em um concurso público.

Foi fácil? De jeito algum! Tive que estudar muito!

É possível? É claro que sim! 

Eu acredito que, se eu consegui passar em 3 concursos partindo do absoluto zero, você também pode.

E se você pensa que concurso público é só para gênios, entenda que passar em concursos tem menos a ver com talento, inteligência ou genialidade e mais com ter um propóstio forte, um consultor pessoal para dar o caminho das pedras e uma atitude de nunca desistir.

Se você ainda tem dúvidas se concurso público também é para você, dá uma olhada neste artigo: a única coisa que realmente importa para quem deseja passar em um concurso público.

 

 

Desejo todo sucesso do mundo para você! 

 

André Wilson

É sócio-fundador e Consultor e Coach da VP Concursos. Analista de Administração e Finanças da Superintendência de Seguros Privados – SUSEP, aprovado em 3.º lugar no concurso de 2010 (São Paulo). Membro da Sociedade Brasileira de Coaching. Certificado pela The Inner Game International School. Bacharel em Administração, com MBA Executivo Internacional em Gerenciamento de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas.

 

JUNTE-SE A MAIS DE 10.000 CONCURSEIROS E ENTRE AGORA PARA LISTA VIP

Receba conteúdo prático, exclusivo e 100% gratuito, para você passar mais rápido em provas, exames e no concurso público dos seus sonhos.

Curtiu a postagem?

Então, compartilha o link no WhatsApp com seus amigos.

Talvez, este post seja a inspiração que ele precisa para ter uma carreira profissional mais segura, saldável e bem remunerada.

Compartilhar é se importar. Então, compartilhe agora!

 

 

Junte-se a mais de
10.000
concurseiros

Entre para nossa lista VIP e receba conteúdo exclusivo e 100% gratuito sobre concursos